Saiba a importância de fazer um bom diagnóstico financeiro do seu negócio

O conhecimento profundo sobre a saúde financeira da empresa, especialmente dos pequenos negócios, é fundamental. Por isso, o Sebrae preparou dicas sobre a importância de ter um diagnóstico financeiro eficaz que possibilite a geração de informações valiosas sobre a viabilidade, sustentabilidade e potencial de crescimento, além de verificar a situação diante de uma possível solicitação de crédito junto às instituições financeiras.

“Os pequenos negócios enfrentam muitos desafios e muitos fecham suas portas nos primeiros anos de operação devido a problemas financeiros mal gerenciados. Justamente por isso um diagnóstico financeiro bem-feito e robusto é crucial para oferecer uma compreensão clara da situação financeira atual da empresa e ajudar a identificar problemas. Além disso, ele permite o desenvolvimento de estratégias para otimizar o desempenho e minimizar riscos”, ressalta o coordenador de Acesso a Crédito e Investimentos do Sebrae, Giovanni Beviláqua.

O coordenador do Sebrae destaca algumas técnicas que foram criadas e utilizadas para a realização do diagnóstico de uma empresa. Confira:

a) Análise Horizontal e Vertical de dados financeiros: a análise horizontal compara os dados financeiros ao longo do tempo, revelando tendências e variações. A análise vertical compara os números financeiros em relação a um ponto de referência, geralmente a receita total, destacando a composição dos custos e despesas.

b) Análise de Liquidez, Rentabilidade e Endividamento: avaliar a liquidez, rentabilidade e níveis de endividamento oferece uma visão abrangente da saúde financeira. Índices como liquidez corrente, retorno sobre o investimento (ROI) e índice de endividamento são essenciais para esta análise.

c) Orçamento e Previsão Financeira: desenvolver um orçamento detalhado e previsões financeiras ajuda a estabelecer metas realistas e a monitorar o desempenho em relação a elas. Isso corresponde a projetar receitas, despesas e fluxo de caixa esperado com base em dados históricos e projeções de mercado.

d) Análise de Ponto de Equilíbrio: determinar o ponto de equilíbrio, onde as receitas totais igualam os custos totais, é essencial para entender o volume de vendas necessário para cobrir os custos operacionais e começar a gerar lucro.

Segundo Giovanni Beviláqua, cada uma das técnicas gera alguns indicadores que podem ser úteis para o gestor financeiro da empresa para a construção do diagnóstico.

Independentemente das técnicas utilizadas, é importante que o empreendedor não somente saiba que esses indicadores existem e como calculá-los, mas consiga fazer a combinação entre eles para poder ter uma boa avaliação da situação.

Giovanni Beviláqua, coordenador de Acesso a Crédito e Investimentos do Sebrae.

Além disso, o gestor ressalta que é fundamental manter os registros financeiros sempre atualizados para que eles possam oferecer dados de qualidade sobre o negócio. É indispensável, ainda, monitorar regularmente os principais indicadores da empresa e tomar medidas corretivas quando necessário com base nos dados colhidos no diagnóstico.

Crédito Consciente

O Diagnóstico Financeiro é uma ferramenta importante antes do empreendedor solicitar um empréstimo. Por isso, com a página Crédito Consciente do Sebrae, o empreendedor tem toda a assistência para que possa viabilizar o acesso a crédito de forma segura. Além de conceder o aval necessário para as operações de crédito junto às instituições financeiras, o Sebrae oferecerá orientações para que o proprietário de um pequeno negócio inicie a sua jornada ampliando sua consciência e segurança na obtenção de um empréstimo.

Fonte: Agência Sebrae

O post Saiba a importância de fazer um bom diagnóstico financeiro do seu negócio apareceu primeiro em Informativo Empresarial.